cotas de patrocínio para eventos cotas de patrocínio para eventos

Afinal, como posso montar cotas de patrocínio para eventos?

4 minutos para ler

Realizar um evento de sucesso requer, além de planejamento e preparação, verba suficiente para arcar com todos os custos inerentes ao projeto. Levantar o montante necessário é um desafio para os organizadores, portanto, é sempre bom firmar parcerias com empresas dispostas a investirem nessa realização. Uma alternativa para facilitar esse processo são as cotas de patrocínio para eventos.

Ficou interessado em saber como conquistar os patrocínios certos e de forma simplificada e prática? Então, continue a leitura do post!

O que são cotas de patrocínio para eventos?

As cotas de patrocínio são as divisões realizadas dos valores que deverão ser arrecadados, por meio das parcerias, para a realização do evento.

Por exemplo, se é preciso levantar R$500.000,00 em patrocínio, você fraciona esse montante em cotas, para que, assim, seja mais prático e fácil negociá-las. Afinal de contas, é mais factível comercializar R$100.000,00 do que o valor total.

A categorização das cotas é feita de acordo com a contrapartida que o patrocinador receberá com a aquisição, como exposição de marca, passes para áreas VIPs, ingressos para o evento, entre outras. Quanto maior o valor, mais benefícios.

Essa classificação vai depender do tipo de evento e da quantidade de frações que serão aplicadas. Tomando o exemplo, elas poderiam ser da seguinte forma:

  • cota premium: R$250.000,00;
  • cota ouro: R$150.000,00;
  • cota prata: R$100.000,00.

Dessa forma, além de facilitar a arrecadação, você aumentará o poder de receita, viabilizará a execução do evento e evitará prejuízos. Em muitos casos, o valor adquirido com a venda das cotas é superior ao dos ingressos.

Contudo, é preciso bastante planejamento e preparação para definir e apresentar a ideia para as empresas. Veja, a seguir, 5 dicas para fazer isso de forma efetiva.

Como conseguir cotas de patrocínio para eventos?

Defina o valor total que deverá ser arrecadado

Ao realizar um planejamento e check list completo do evento, você saberá o que terá de custos para promovê-lo: pagamento do pessoal envolvido, aluguel do espaço, equipamentos, decorações, alimentos, entre outros. É imprescindível que todos os gastos estejam estimados, pois, só assim será possível contabilizar o que precisa ser arrecadado.

Classifique as cotas

Uma vez que já tenha os valores necessários, é hora de fazer a classificação das cotas. Para isso, basta dividir os valores e nomeá-las de acordo com a quantia de cada uma. É nesse momento que você decidirá em quantas partes serão realizadas e quanto será o valor para cada classificação (premium, ouro, prata, bronze, etc.).

Determine os benefícios para cada cota

Esse é um ponto muito importante e merece toda a sua atenção. Trata-se da parte que interessa aos patrocinadores, ou seja, o que eles vão ganhar com o investimento. Lembrando que o parceiro tem que perceber as vantagens em comprar as melhores cotas. Quanto maior o valor solicitado, maiores devem ser as contrapartidas.

Avalie quanto os patrocinadores podem pagar

Entenda o quanto as organizações estão dispostas a investir em eventos. As multinacionais normalmente disponibilizam quantias mais altas para esse tipo de patrocínio. Contudo, empresas menores não têm o mesmo poder de compra. Avalie detalhadamente para apresentar uma proposta coerente com cada perfil de negócio.

Busque empresas que combinem com o evento

Importante ressaltar que as possibilidades de sucesso na comercialização das cotas estão em buscar empresas relacionadas com o tipo de evento realizado. Não faz sentido abordar uma marca de fast-food de sanduíches para um tema vegano, por exemplo. Claro que esse é o extremo, mas a relação ganha-ganha já começa na seleção.

Conseguir os fundos necessários para a realização do seu projeto nem sempre é algo fácil. Uma forma de facilitar esse processo é aderir às cotas de patrocínio para eventos. Por meio delas, você divide o total a ser arrecadado de acordo com as classificações e apresenta para as empresas potenciais. As frações são mais acessíveis e tornam os benefícios mais tangíveis — assim, evita-se prejuízos e a meta financeira é alcançada mais rápido.

Este post foi útil para você? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outras pessoas a viabilizar seus eventos.

Quer saber mais sobre este tema?

Conheça o ExC Rio! Espaço de eventos no coração da Zona Sul do RJ!

Posts relacionados

Deixe uma resposta