coletivo carandaí coletivo carandaí

ExC de portas abertas: Coletivo Carandaí

3 minutos para ler

Sustentabilidade, ativação da economia local, incentivo à cultura: um espaço para eventos também pode dar sua contribuição para um futuro melhor, recebendo eventos como o Coletivo Carandaí 25.

No começo era uma casa, a da dona da ideia, onde se reuniam produtores de novas marcas e amigos interessados por novidades no mundo da moda e do design. O projeto nascido em 2013 evoluiu de forma sustentável, apoiado na força dos pequenos criadores e na crença de que faz melhor quem faz junto (e feliz). Ao longo de seis anos de trajetória, o Coletivo Carandaí 25 ganhou edições em outras cidades do país, além de uma enriquecedora passagem por Paris, no final de 2018. Só fez crescer, portanto, tanto em tamanho quanto na qualidade da experiência que proporciona para seus participantes. E é aí que entra o ExC.

O encontro do Coletivo Carandaí 25 com o espaço para eventos de bem distribuídos 2000 metros quadrados dentro do Jockey Club se deu por razões que vão além da logística. Sim, localização, infraestrutura técnica, estacionamento, tudo isso conta, mas há também a afinidade de propósitos. Entre 3 e 7 de abril, o ExC abrigou a 23ª edição do Coletivo Carandaí 25, encerrada com festa de comemoração dos seis anos do movimento.

Ao longo de cinco dias, 65 produtores de moda, acessórios e design de várias cidades do país receberam um público diário que girou em torno das 1000 pessoas. Entre um estande e outro, serviços de bar e petiscos contribuíram para um clima festivo que é a marca registrada do coletivo. Mais do que uma ida às compras, a visita torna-se um programa.

Na área externa do ExC, o palco #soulbelievers, lado cultural da iniciativa, atraiu o público com conversas sobre qualidade de vida e vivências profissionais, além de música ao vivo. Fundado e defendido com garra por Tatiana Accioli, o Coletivo Carandaí25 é assim: desdobra-se em várias frentes, da apresentação de novas marcas à preocupação com o propósito de vida de seus integrantes, ao apreço por um fazer solidário, com muita troca entre as partes, caminho certo para o desenvolvimento sustentável. Mais uma vez, é aí que entra o ExC.

Inaugurado em 2018, o espaço no Jockey Club encerrou sua primeira temporada com mais de 120 000 visitantes recebidos em cerca de 120 eventos realizados, de grandes projetos de lazer a festas de casamento, passando por encontros corporativos. O que há em comum entre tantas realizações distintas? No ExC, assim como no Coletivo Carandaí 25, uma curadoria criteriosa qualifica a relação com clientes, fornecedores e visitantes do espaço. Por lá, a realização de um evento é resultado de um processo pensado em seus menores detalhes, mas também em seus grandes potenciais. Questões ligadas a sustentabilidade, a formas inovadoras de contribuição cultural e à capacidade de movimentar a economia local são levadas em conta, daí a parceria afinada com projetos nessa linha, a exemplo do Carandaí 25. Como se vê, o ExC abriga muita gente e, principalmente, novas ideias.

Fique por dentro dos próximos eventos do Coletivo!

Quer saber mais sobre este tema?

Conheça o ExC Rio! Espaço de eventos no coração da Zona Sul do RJ!

Posts relacionados

Deixe uma resposta